VCAP-DCV Design: AMPRS

VCAP-DCV Design: AMPRS

Olá pessoal. Estou estudando para o VCAP-DCV Design e, como escrever faz parte do meu processo de aprendizagem, irei escrever vários posts sobre assuntos referentes ao exame (baseado no blueprint).  

Vamos lá, o assunto de hoje será sobre os princípios de um design, conhecido pelo acrônimo de AMPRS (Availability, Manageability, Performance, Recoverability and Security).

Availability

Atendem aos requisitos de disponibilidade do projeto, basicamente inclui tudo relacionado a garantia de que o sistema esteja instalado, funcionando e não falhe. Geralmente tem relação direta com a porcentagem de tempo de atividade de um sistema específico. Exemplo: o servidor de arquivos precisa ter 99,9% de disponibilidade. Neste caso serviço não pode ser interrompido por mais de 8 horas e 45 minutos por ano (calcule aqui). 

Manageability

Aborda os requisitos operacionais e de gerenciamento do projeto, ou seja, como um sistema deve ser gerenciado. Escalabilidade e flexibilidade podem ser considerados sub-qualidades. Exemplos: interface centralizada, relatórios, operação automatizada e escalável.

Performance

Considerações sobre desempenho, neste caso inclui padrões de tempo de resposta exigidos dos componentes do ambiente projetado. Exemplos: as transações entre servidores não podem ser superiores a 5ms e os IOPS do storage devem ser no máximo X.

Recoverability

Sempre que um sistema ou componente falha e causa uma interrupção, os requisitos de recuperação determinam como e de que maneira um sistema deve se recuperar. Tópicos relacionados com backup, restore e recuperação de desastres. Exemplo: o tempo máximo de recuperação deve ser 4 horas.

Security

Tudo relacionado a como um sistema é protegido, basicamente efetua o controle geral de dados, confidencialidade, integridade, acessibilidade, governança e gerenciamento de riscos. Por exemplo: single sign-on, controle de acesso baseado em função e garantir a integridade das transações.

É isso aí pessoal, até a próxima! : )

Ricardo Conzatti é especialista em TI e apaixonado por Virtualização. É graduado em Sistemas de Informação, pós-graduado em Gestão de TI e acredita muito na teoria da pirâmide de aprendizagem de William Glasser. Ricardo também é blogger, palestrante, podcaster e muito envolvido com comunidades técnicas. Ex-líder do VMUG Paraná e host do vBrownBag Brasil, além de ser VMware vExpert e possuir várias certificações técnicas Microsoft e VMware. Você com certeza irá encontra-lo no twitter @RicardoConzatti.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *