Script para criar Linked Clone no vCenter Server

Este script consegue criar máquinas virtuais linked clone a partir de snapshots. O linked clone pode ser muito útil para utilizar em labs, seja pela rapidez no deploy ou por ocupar menos espaço em disco.

No exemplo abaixo será criado uma máquina virtual Windows Server 2012 R2 com o nome de “NEW-VM” que é baseada em um snapshot “Linked Clone Master” originado da máquina virtual “Windows Server 2012 R2 – LC”. Esta nova máquina virtual será armazenada no datastore “CPT-LAB-DS-009”, no Resource Pool e Folder chamados de “RICARDO” e no host ESXi com o nome de “dc-vhost6.discovery.local”. Por fim a customização aplicada a esta máquina virtual será a “_Sysprep Default”.

  • Crie uma máquina virtual, personalize de acordo com a sua necessidade, faça um snapshot e desligue-a

linked-clone-vc-9

  • Conecte no seu vCenter Server via VMware vSphere PowerCLI
    • Connect-VIServer -Server IP-DO-vCENTER (tenha em mãos as credenciais administrativas)

linked-clone-vc-1

  • Nome da máquina virtual de origem
    • $SourceVMName=”Windows Server 2012 R2 – LC”
  • Nome do snapshot da máquina virtual de origem
    • $SourceVMSnapshotName=”Linked Clone Master”
  • Nome da nova máquina virtual
    • $NewVMName=”NEW-VM”
  • Nome da Folder do vCenter Server
    • $vCenterFolderName=”RICARDO”

linked-clone-vc-6

  • Nome do Resouce Pool do vCenter Server
    • $vCenterResourcePoolName=”RICARDO”

linked-clone-vc-5

  • Nome do datastore onde a nova máquina virtual será armazenada
    • $DatastoreName=”CPT-LAB-DS-009″

linked-clone-vc-7

  • Nome do host ESXi (FQDN ou IP)
    • $ESXiName=”dc-vhost6.discovery.local”

linked-clone-vc-8

  • Customização do vCenter Server (Customization Specification Manager) – OPCIONAL
    • $Customization=”_Sysprep Default”

New-VM -Name $NewVMName -VM $SourceVMName -Location $vCenterFolderName -Datastore $DatastoreName -ResourcePool $vCenterResourcePoolName -VMHost $ESXiName -LinkedClone -ReferenceSnapshot $SourceVMSnapshotName -OSCustomizationSpec $Customization

linked-clone-vc-3

linked-clone-vc-4

  • Observações
    • Não converter a máquina virtual de origem para template
    • Não apontar para Datastore Cluster, usar diretamente nos datastores
    • Não utilizar em ambiente de produção (a não ser que você queira muito)

Criei também uma planilha (download) onde é possível completar todos os dados acima e apenas seleciona-los de forma “interativa” e também um script PowerShell (download), ambos são muito úteis quando o intuito é criar diversas máquinas virtuais linked clone.

Existem muitas variáveis para serem utilizadas com o comando “New-VM”, para mais informações acesse a página oficial do documentation center.

Valeu  😀

Posts Relacionados

Ricardo é especialista em TI e apaixonado por Virtualização. É graduado em Sistemas de Informação e pós-graduado em Gestão de TI, além de possuir várias certificações Microsoft e VMware.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.